Nos dias 11 e 12 de abril as dioceses de Itapipoca e Iguatú, no Ceará, receberam a visita do coordenador nacional do Projeto Economia Solidária como Estratégia de Segurança Alimentar e Desenvolvimento Territorial, parceria da Cáritas Brasileira com Cáritas Espanhola, Jaime Conrrado.

As comunidades de Seridó, Lagoinha I, Mamoeiro, Minador, apresentaram as experiências de fundo rotativo comunitário, quintais produtivos, casa de sementes e hortas comunitárias. Entre os resultados observados na visita ficou como destaque o envolvimento de jovens em atividades produtivas, avançando para comercialização, apropriação e empoderamento das Comunidades no funcionamento dos fundos rotativos.

No entanto alguns desafios foram citados como a escassez de água que afeta a produção e tem atrasado o andamento da casa de sementes e das unidades produtivas, e a falta de mais estratégias para permanência da juventude em suas comunidades que desenvolva atividades produtivas que gere renda.

Durante a visita também se viu perspectivas de continuidade do projeto com a Cáritas Espanha e outras fontes como Fundo Nacional de Solidariedade (FNS). Encerrando as atividades houve conversa com as equipes de Cáritas Diocesanas, onde se verificou a situação do projeto e ficou como encaminhamento o pedido de remanejamento de atividades desse ano devido o cenário de seca no Ceará.

Por Izabel Cristina, Cáritas Reginal Ceará

 

No related posts.